Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Uma Jovem Católica

Sou uma jovem rapariga católica. Neste blog partilho a minha caminhada em busca da santidade, da fé, da misericórdia e do amor incondicional ao próximo. Espero que este blog vos possa ajudar a encontrar a Alegria do Evangelho!

Uma Jovem Católica

Sou uma jovem rapariga católica. Neste blog partilho a minha caminhada em busca da santidade, da fé, da misericórdia e do amor incondicional ao próximo. Espero que este blog vos possa ajudar a encontrar a Alegria do Evangelho!

Arte de Aproveitar-se das Próprias Faltas - 1

No início deste longo período de estudo intensivo em que me encontro - tal como vos contei no último post - num dia particularmente difícil e frustante, Deus carinhosamente fez-me lembrar dum certo livrinho que eu tinha encontrado uns tempos atrás na Alexandria Católica. 

Esse livrinho tinha um título que me chamou bastante à atenção - "Arte de Aproveitar-se das Próprias Faltas" da autoria do Padre José Tissot. 

 

Graças eternas sejam dadas ao Senhor - este pequeno livrinho foi um autêntico mini-tornado na minha vida!!

Meu Deus que pérola! Que jóia tão preciosa! Obrigado! Obrigado!! - passei eu uma noite a dizer e a exclamar!...

 

É um livro já antigo, escrito em 1878 (mas vocês nunca adivinhariam ao ler!) e baseia-se principalmente nos ensinamentos de São Francisco de Sales (mas de outros santos também). O autor, Pe José Tissot, foi um membro da congregação dos Missionários de S. Francisco de Sales em França e escreveu este livro na forma dum guia prático para transformar as nossas imperfeições num verdadeiro caminho de santidade!

 

 

É um livro absolutamente maravilhoso! Tão maravilhoso que pensei em ir partilhando aqui no blog um excerto todas as semanas.

Recomendo a todos a sua leitura neste Verão! É um livro de muito fácil leitura, com pouco mais de 100 páginas e pode ser encontrado na Alexandria Católica ou então fazendo o download aqui.

 

Jesus_Nail_Scarred_Hands.jpg

 Imagem retirada daqui

"Tudo contribui para o progresso de uma alma; tudo, até mesmo as próprias imperfeições - nas Minhas mãos, são como pedras preciosas, porque as transformo em actos de humildade que inspiro nessa alma ... "

 

Palavras de Jesus à sua serva Benigna Consolata

Introdução do livro "Arte de aproveitar-se das próprias faltas" do Pe José Tissot