Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Uma Jovem Católica

Sou uma jovem rapariga católica. Neste blog partilho a minha caminhada em busca da santidade, da fé, da misericórdia e do amor incondicional ao próximo. Espero que este blog vos possa ajudar a encontrar a Alegria do Evangelho!

Uma Jovem Católica

Sou uma jovem rapariga católica. Neste blog partilho a minha caminhada em busca da santidade, da fé, da misericórdia e do amor incondicional ao próximo. Espero que este blog vos possa ajudar a encontrar a Alegria do Evangelho!

Canções-Orações

A época de exames que tive no mês de Junho foi, como têm sido todas, muito mais difícil que a anterior... muito mais difícil. O Senhor sabia disso perfeitamente. Então, para me ajudar nesta batalha, fez-me conhecer, através do site Cecília da Aleteia (um site dedicado à divulgação de música cristã), uma nova cantora católica americana, de nome Audrey Assad, que conquistou o meu coração na primeira canção que ouvi dela. Assim, durante toda a época de exames, cantei 1 ou 2 canções dela de cada vez que fazia um intervalo no estudo, o que sempre me ajudava a renovar as minhas forças...
A Audrey é uma cantora, compositora e pianista de descendência síria e filha de pais protestantes. Aos 24 anos converteu-se à Igreja Católica e hoje é casada e mãe dum menino de 3 anos. A Audrey tem um estilo musical muito próprio e único, mas tenho a certeza as letras das suas canções agradarão a todos. 

O seu último álbum, Inheritance (Herança), saiu este ano, e contém 11 músicas maravilhosas e profundas, que nos ajudam a rezar bem do fundo dos nossos corações. Fiz questão de vos traduzir todas as canções - porque simplesmente não consego escolher a que mais gosto!

A Audrey escreve as suas canções utilizando uma linguagem inglesa mais antiga que a actual, ou seja, muito mais difícil de traduzir. Não é só no português que, palavras como Saudade, não conseguem ter o seu total significado traduzido noutra língua, também o inglês antigo tem muitas palavras assim.... mas, curiosamente, é este tipo de inglês que sempre desperta o meu interesse e apreço.... É absolutamente lindo e poético e soa, oh tão bem! Pronto, já chega de divagações ... deixo-vos com as 11 melhores canções que eu alguma vez tive a oportunidade de ouvir 

 

1. Ubi Caritas (Onde houver caridade)

Ubi Caritas é uma música muito antiga, originalmente cantada nas Cerimónia de Lava-Pés na missa da Quinta-feira Santa. A Audrey Assad compôs uma nova melodia, mantendo o texto original da letra, em latim.

 

Letra original

Ubi caritas et amor, Deus ibi est.

Congregavit nos in unum Christi amor.

Exultemus, et in ipso iucundemur.

Timeamus, et amemus Deum vivum.

Et ex corde diligamus nos sincero.

 

Ubi caritas et amor, Deus ibi est.

Simul ergo cum in unum congregamur:

Ne nos mente dividamur, caveamus.

Cessent iurgia maligna, cessent lites.

Et in medio nostri sit Christus Deus.

 

Ubi caritas et amor, Deus ibi est.

Simul quoque cum beatis videamus,

Glorianter vultum tuum, Christe Deus:

Gaudium quod est immensum, atque probum,

Saecula per infinita saeculorum.

Tradução minha (da letra em inglês)

Onde houver caridade e amor, aí está Deus.

O amor de Cristo nos reuniu num só.

Alegremo-nos e satisfaçamo-nos n’Ele.

Tememos e amemos o Deus vivo.

E amemo-nos uns aos outros com um coração sincero.

 

Onde houver caridade e amor, aí está Deus.

Assim como estamos reunidos num só corpo:

Tenhamos cuidado, para a nossa mente não se dividir,

Para pararmos os impulsos malignos, para cessarmos todas as controvérsias  

E para que Cristo, nosso Deus, esteja no meio de nós.

 

Onde houver caridade e amor, aí está Deus.

E que possamos, como os santos,

Ver o Teu rosto em glória, ó Cristo nosso Deus;

A nossa alegria é imensa e boa,

E permanecerá através dos séculos sem fim.

 

 

2. Holy, holy, holy (Santo, santo, santo)

 

 

Letra original

Holy, holy, holy

Lord, God Almighty

Early in the morning our song shall rise to Thee

 

Holy, holy, holy

Merciful and mighty

God in three persons blessed Trinity

 

Holy, holy, holy

Though the darkness hide Thee

Though the eye of sinful man thy glory may not see

 

Only Thou art holy; there is none beside Thee

Perfect in power, in love, and purity

 

Holy, holy, holy

Lord, God Almighty

All Thy works shall praise Thy name in earth and sky and sea

 

Holy, holy, holy

Merciful and mighty

God in three persons blessed Trinity

Tradução minha

Santo, santo, santo

Senhor, Deus Todo-Poderoso

Cedo, pela manhã, as nossas canções subirão até Ti

 

Santo, santo, santo

Misericordioso e poderoso

Deus em três pessoas, abençoada Trindade

 

Santo, santo, santo

Embora a escuridão possa esconder-te

Embora pelos olhos do homem pecador a Tua glória não possa ser vista

 

Apenas Tu és santo; não existe ninguém além de Ti

Perfeito no poder, no amor e na pureza

 

Santo, santo, santo

Senhor, Deus Todo-Poderoso

Todas as Tuas obras louvarão o Teu nome na terra e no céu e no mar

 

Santo, santo, santo

Misericordioso e poderoso

Deus em três pessoas, abençoada Trindade

 

 

3. Be Thou my Vision (Sê a minha visão)

 

 

Letra original

Be Thou my Vision, O Lord of my heart;

Naught be all else to me, save that Thou art.

Thou my best Thought, by day or by night,

Waking or sleeping, Thy presence my light.

 

Be Thou my Wisdom, and Thou my true Word;

I ever with Thee and Thou with me, Lord;

Thou my great Father, I Thy true son;

Thou in me dwelling, and I with Thee one.

 

Riches I heed not, nor man’s empty praise,

Thou mine Inheritance, now and always:

Thou and Thou only, first in my heart,

High King of Heaven, my Treasure Thou art.

 

High King of Heaven, my victory won,

May I reach Heaven’s joys, O bright Heaven’s Sun!

Heart of my own heart, whatever befall,

Still be my Vision, O Ruler of all.

Tradução minha

Sê a minha Visão, oh Senhor do meu coração;

Mais nada é tudo para mim, a não ser Tu.

Tu és o meu melhor Pensamento, de dia ou de noite,

Acordada ou a dormir, a Tua presença é a minha luz.

 

Sê a minha Sabedoria, e sê a minha verdadeira Palavra;

Eu estou sempre conTigo e Tu comigo, Senhor;

Tu és o meu grande Pai, eu sou Teu filho verdadeiro;

Tu habitas em mim, e eu habito conTigo.

 

Não presto atenção às riquezas, nem ao louvor vazio dos homens,

Tu és a minha Herança, agora e para sempre:

Tu e só tu, és o primeiro no meu coração,

Supremo Rei dos Céus, o meu Tesouro és Tu.

 

Supremo Rei dos Céus, a minha vitória conquistada,

Possa eu chegar às alegrias do Céu, ó brilhante Sol do Céu!

Coração do meu próprio coração, aconteça o que acontecer,

Serás sempre a minha Visão, ó Soberano de todos.

 

 

4. I Wonder as I Wander (Eu maravilho-me enquanto vagueio)

 

 

Letra original

I wonder as I wander out under the sky

That Jesus my Saviour did come for to die

For poor ornery people like you and like I

I wonder as I wander out under the sky

Tradução minha

Eu maravilho-me enquanto vagueio sob o céu

Que Jesus, o meu Salvador, tenha vindo para morrer

Pelas pobres pessoas de mau-feitio, como tu e como eu

Eu maravilho-me enquanto vagueio sob o céu

 

5. How can I keep from singing (Como posso eu não cantar)

 

 

Letra original

My life flows on in endless song

Above earth’s lamentation

I hear the sweet though far off hymn

That hails a new creation

Through all the tumult and the strife

I hear the music ringing

It finds an echo in my soul

How can I keep from singing

 

What though my joys and comforts die

The Lord my Savior liveth

What though the darkness gather round

Songs in the night He giveth

No storm can shake my inmost calm

While to that refuge clinging

Since Christ is Lord of Heav’n and earth

How can I keep from singing

 

I lift mine eyes the cloud grows thin

I see the blue above it

And day by day this pathway smoothes

Since first I learned to love it

The peace of Christ makes fresh my heart

A fountain ever springing

All things are mine since I am His

How can I keep from singing

Tradução minha

A minha vida flui numa canção sem fim

Acima das lamentações da Terra

Eu oiço a doce, embora longínqua, canção

Que chama a uma nova criação

Através de toda a revolta e de todo o conflito

Eu oiço o som da música

Ela encontra um eco na minha alma

Como posso eu não cantar

 

Embora as minhas alegrias e confortos morram

O Senhor, o meu Salvador, vive

Embora a escuridão se reúna à minha volta

Ele dá-me canções pela noite

Nenhuma tempestade pode abalar a minha calma interior

Enquanto eu me segurar bem neste refúgio

Uma vez que Cristo é o Senhor dos Céus e da Terra

Como posso eu não cantar

 

Eu levanto os meus olhos para a nuvem que cresce ténue

Eu vejo o azul acima dela

E, dia após dia, este caminho suaviza-se

Desde a primeira vez que aprendi a amá-la

A paz de Cristo torna o meu coração novo

Uma fonte sempre brotando

Todas as coisas são minhas, visto que eu sou Dele

Como posso eu não cantar

 

 

6. Oh The Deep, Deep Love of Jesus (Oh o profundo, profundo amor de Jesus)

 

 

Letra original

Oh the deep, deep love of Jesus

Vast, unmeasured, boundless, free

Rolling as a mighty ocean

In its fullness over me

 

Underneath me, all around me

Is the current of Your love

Leading onward, leading homeward

To Your glorious rest above

 

Oh, the deep, deep love of Jesus

‘tis heaven of heavens to me;

and it lifts me up to glory,

for it lifts me up to thee!

 

Oh, the deep, deep love of Jesus

spread his praise from shore to shore!

How he loves us, ever loves us,

changes never, nevermore!

Tradução minha

Oh o profundo, profundo amor de Jesus,

Vasto, imensurável, ilimitado, livre

Movendo-se como um oceano poderoso

Na sua plenitude acima de mim

 

Debaixo de mim, em torno de mim

É a corrente do Teu amor

Levando-me adiante, levando-me para casa

Até ao Teu glorioso repouso

 

Oh o profundo, profundo amor de Jesus,

Até ao Céu dos Céus para mim;

e levanta-me até à glória,

uma vez que me levanta até Ti!

 

Oh o profundo, profundo amor de Jesus,

Espalha o Seu louvor de costa a costa!

Como ele nos ama, Ele sempre nos amará,

Isso nunca mudará, nunca!

 

 

7. Jesus' Blood Never Failed Me Yet (O sangue de Jesus ainda nunca me falhou)

Baseada numa canção de 1971, de Gavin Bryars, que a ouviu da boca dum sem-abrigo em Inglaterra.

 

 

Letra original

Jesus' blood never failed me yet

Never failed me yet

Jesus' blood never failed me yet

And this one thing I know: that he loves me so

 

Jesus' blood never failed me yet

Never failed me yet

Jesus' blood never failed me yet

And this one thing I know: that he loves me so

Tradução minha

O sangue de Jesus ainda nunca me falhou

Nunca me falhou

O sangue de Jesus ainda nunca me falhou

E esta é uma coisa que eu sei: que ele me ama muito

 

O sangue de Jesus ainda nunca me falhou

Nunca me falhou

O sangue de Jesus ainda nunca me falhou

E esta é uma coisa que eu sei: que ele me ama muito

 

 

8.New every morning (Novas todas as manhãs)

 

 

Letra original

In the beginning You hovered over the waters:

You broke an unbroken silence:

You spoke light into darkness

And there was light

 

In the beginning we were made in Your image

We were naked without shame

til we fell for the darkness

And there was night

 

Your mercies are new

Your mercies are new

New every morning.

 

In the beginning there was the Word and he was God

And the Word was with God and He dwelt among us

And there was life

 

In the beginning the Lamb of God was broken

And His blood was poured out for the sins of the world

And there was life

 

Your mercies are new

Your mercies are new

New every morning.

 

At the cross, at the cross, where I first saw the light

At the cross, at the cross, I received my sight

At the cross, at the cross where you laid down your life

Tradução minha

No princípio, Tu voavas sobre as águas:

Tu quebraste um silêncio inquebrável:

Tu fizeste raiar a luz na escuridão

E então houve luz

 

No princípio, nós fomos criados à Tua imagem

Nós estávamos nus sem vergonha alguma

Até que caímos na escuridão

E então foi noite

 

As Tuas misericórdias são novas

As Tuas misericórdias são novas

Novas todas as manhãs.

 

No princípio, havia o Verbo, e Ele era Deus

E o Verbo estava com Deus e Ele habitava entre nós

E então havia vida

 

No princípio, o Cordeiro de Deus foi despedaçado

E o Seu sangue foi derramado pelos pecados do mundo

E então houve vida

 

As Tuas misericórdias são novas

As Tuas misericórdias são novas

Novas todas as manhãs.

 

Na cruz, na cruz, onde eu vi pela primeira vez a luz

Na cruz, na cruz, onde eu recebi a minha visão

Na cruz, na cruz onde Tu entregaste a Tua vida

 

 

9. It is well with my soul (Está tudo bem com a minha alma)

Canção original de Horatio G. Spafford, 1873.

 

 

Letra original

When peace, like a river, attendeth my way,

When sorrows like sea billows roll;

Whatever my lot, Thou has taught me to say,

It is well, it is well, with my soul.

 

It is well (it is well)

with my soul (with my soul)

It is well, it is well with my soul.

 

Though Satan should buffet, though trials should come,

Let this blest assurance control,

That Christ has regarded my helpless estate,

And hath shed His own blood for my soul.

 

My sin, oh, the bliss of this glorious thought!

My sin, not in part but the whole,

Is nailed to the cross, and I bear it no more,

Praise the Lord, praise the Lord, O my soul!

Tradução minha

Quando a paz, como um rio, comparece no meu caminho,

Quando as tristezas, como as ondas do mar, me enrolam;

Qualquer que seja a minha sorte, Tu ensinaste-me a dizer,

Está tudo bem, está tudo bem com a minha alma.

 

Está tudo bem (está tudo bem)

com a minha alma (com a minha alma)

Está tudo bem, está tudo bem com a minha alma.

 

Embora Satanás nos provoque contratempos, embora provações surjam,

Deixa que esta bem-aventurança assuma o controlo,

Que Cristo reparou o meu estado impotente,

E derramou o Seu próprio sangue pela minha alma.

 

O meu pecado, oh, a alegria deste pensamento glorioso!

O meu pecado, não em parte, mas como todo,

Está pregado na Cruz, e eu não o carrego mais,

Louvado seja o Senhor, louvai o Senhor, ó minha alma!

 

 

10. Even unto death (Até à morte)

 

 

Letra original

Jesus the very thought of You it fills my heart with love

Jesus You burn like wildfire and I am overcome

 

Lover of my soul even unto death

With my every breath I will love You

 

Jesus You are my only hope and You my prize shall be

Jesus You are my glory now and in eternity

 

Lover of my soul even unto death

With my every breath I will love You

 

In my darkest hour

In humiliation

I will wait for You

I am not forsaken

 

Though I lose my life

Though my breath be taken

I will wait for You

I am not forsaken

 

One thing I desire

To see You in Your beauty

You are my delight

You are my glory

You my Sacrifice

Your love is all-consuming

You are my delight

You are my glory

 

Jesus, the very thought of You,

Jesus, the very thought of You ...

Tradução minha

Jesus, o simples pensar em Ti, enche-me o coração com amor

Jesus, Tu queimas-me, como uma fogueira, e eu sou superada

 

Amante da minha alma, até a morte

Com cada respiração minha, Eu vou amar-Te

 

Jesus, Tu és a minha única esperança e Tu serás sempre o meu prémio

Jesus, Tu és a minha glória, agora e por toda a eternidade,

 

Amante da minha alma, até a morte

Com cada respiração minha, Eu vou amar-Te

 

Na minha hora mais negra

Na humilhação

Eu esperarei por Ti

Eu não serei abandonada

 

Mesmo que eu perca a minha vida

Mesmo que o meu fôlego me seja retirado

Eu esperarei por Ti

Eu não serei abandonada

 

Uma única coisa eu desejo

Ver-Te em toda a Tua beleza

Tu és o meu deleite

Tu és a minha glória

 

Tu, meu Sacrifício,

O Teu amor tudo consome

Tu és o meu deleite

Tu és a minha glória

 

Jesus, o simples pensar em Ti,

Jesus, o simples pensar em Ti...

 

 

11. Abide with me (Fica comigo)

 

 

Letra original

Abide with me; fast falls the eventide;

The darkness deepens; Lord with me abide.

When other helpers fail and comforts flee,

Help of the helpless, O abide with me.

 

Swift to its close ebbs out life’s little day;

Earth’s joys grow dim; its glories pass away;

Change and decay in all around I see;

O Thou who changest not, abide with me.

 

I fear no foe, with Thee at hand to bless;

Ills have no weight, and tears no bitterness.

Where is death’s sting? Where, grave, thy victory?

I triumph still, if Thou abide with me.

 

Hold Thou Thy cross before my closing eyes;

Shine through the gloom and point me to the skies.

Heaven’s morning breaks, and earth’s vain shadows flee;

In life, in death, O Lord, abide with me.

Tradução minha

 Fica comigo; rapidamente cai o anoitecer;

A escuridão aprofunda-se; Senhor, fica comigo.

Quando os outros ajudantes falharem e os confortos fugirem

Ajuda dos impotentes, ó fica comigo.

 

Rapidamente flui para o seu fim, o pequeno dia da nossa vida;

As alegrias da Terra escurecem; as suas glórias passam;

Mudança e decadência estão por todo o lado;

Ó, Tu que nunca mudas, fica comigo.

 

Eu não temo nenhum inimigo, conTigo perto para me abençoar;

Os males não têm qualquer peso e as lágrimas qualquer amargura.

Onde está o aguilhão da morte? Onde está, sepultura, a tua vitória?

Eu triunfo, se Tu ficares comigo.

 

Segura a Tua cruz diante dos meus olhos que se fecham;

Brilha através da escuridão e aponta-me os céus.

Rompe-se a manhã do céu, e as sombras vãs da Terra fogem;

Na vida, na morte, ó Senhor, fica comigo.

  

6 comentários

Comentar post