Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Uma Jovem Católica

Sou uma jovem esposa e mãe católica portuguesa. Neste blog partilho a minha caminhada em busca de Deus e da santidade, através da nossa Igreja Doméstica crescente!

Uma Jovem Católica

Sou uma jovem esposa e mãe católica portuguesa. Neste blog partilho a minha caminhada em busca de Deus e da santidade, através da nossa Igreja Doméstica crescente!

Os Profetas Menores - 10. Profeta Ageu

Profetas Menores - 10. Ageu 2.png

 

A palavra do Senhor foi dirigida por meio do profeta Ageu, nestes termos:

«Este povo diz: 'Não chegou ainda o momento de reedificar o templo do Senhor.'»

«É então tempo para vós habitardes em casas confortáveis,

enquanto esta casa está em ruínas?»

Eis, pois, o que declara o Senhor do Universo:

«Reflecti, no vosso coração, sobre o caminho que tomastes.» (Ag 1,2-4)

 

Pouco se sabe acerca do profeta Ageu, cujo nome significa “minha festa” e que terá tido um curtíssimo ministério profético, de apenas 4 meses, durante o reinado do rei Dário. Com este profeta começará o último período profético, após o exílio da Babilónia.

Reconstruir o templo era a prioridade, restaurar o templo significava fazer renascer a verdadeira piedade e era a condição necessária para que o Senhor viesse e inaugurasse o Seu reino.

Assim, reconstrução do templo seria um renovar da esperança na vinda do Senhor, um sinal visível da presença de Deus – tal como hoje o são para nós as nossas igrejas – recordando a todo o povo o quanto Deus está, realmente, no meio de nós …

Para outras meditações: Canal Sede Sal, Sede Luz

Os Profetas Menores - 9. Profeta Sofonias

Profetas Menores - 9. Sofonias 2.png

“Procurai o Senhor, vós todos,

os humildes da terra que cumpris a Sua Lei.

Procurai a justiça, buscai a humildade:

talvez assim acheis abrigo no dia da cólera do Senhor.” (Sf 2,3)

 

O profeta Sofonias terá também profetizado em Judá, o reino do Sul, durante o reinado do rei Josias e, tal como outros profetas, vai denunciar a idolatria, o sincretismo religioso, a violência dos poderosos sobre os mais pobres, injustiças e o abuso de autoridade daquela época. Curiosamente, apesar desta corajosa denúncia pública, o nome Sofonias significa "o Senhor o escondeu" ou "o Senhor escondeu-Se".

Sofonias irá tentar defender, a todo o custo, os “anawim” de Deus - os oprimidos, os humildes e simples (não só materialmente, mas também espiritualmente porque se reconhecem “mendigos” de Deus). Aliás, pobres, no contexto bíblico, são de maneira especial aqueles que se submetem à vontade de Deus – à semelhança de Jesus, que foi e Se fez pobre, humilde, oprimido e obediente ao Pai até à morte de Cruz …

Para outras meditações: Canal Sede Sal, Sede Luz

Os Profetas Menores - 8. Profeta Habacuc

Profetas Menores - 8. Habacuc 2.png

 

"Então o Senhor respondeu-me:

«Escreve a visão, grava-a em tabuínhas,

para que possa ser lida facilmente.

Porque é uma visão para um tempo fixado:

ela aspira pelo seu termo e não falhará.

Se tardar, espera por ela igualmente;

que ela cumprir-se-á,

com toda a certeza não falhará.

Eis que sucumbe o que não tem a alma recta,

mas o justo viverá pela sua fidelidade.»" (Hab 2,2-4)

 

Pouco se sabe acerca do profeta Habacuc. Provavelmente terá profetizado em Judá, no reino do Sul, ao mesmo tempo que o profeta Jeremias no reino do Norte, por altura da primeira grande deportação do povo israelita para a Babilónia.

O grande tema do livro de Habacuc é o da Justiça Divina. Deus é o Senhor da História - lembra-nos o profeta repetidamente - e esta soberania de Deus só se compreende pela fé …

Para outras meditações: Canal Sede Sal, Sede Luz

Os Profetas Menores - 7. Profeta Naum

Profetas Menores - 7. Naum 2.png

“O Senhor é paciente e grande em poder,

mas a ninguém deixa impune.

Move-Se na tempestade e no vento impetuoso,

as nuvens são a poeira dos Seus pés”. (Na 1,3)

 

O livro do profeta Naum, cujo nome significa “Consolado por Javé” ou o “Consolador”, vai tentar responder a uma pergunta que perturbava o coração daquele povo e, provavelmente, o de todos nós: Será que Deus tolera o mal? Será que não castiga aqueles que fazem o mal, que oprimem os mais fracos e derramam o sangue dos inocentes?

A resposta do Profeta Naum é clara: Não. Deus nāo pode permitir que o mal seja vencedor, ainda que por vezes nos possa parecer o contrário. Não compreendemos os desígnios nem os tempos de Deus. Ele é que é o Senhor da História, e mais tarde ou mais cedo, a Sua justiça manifestar-se-á …

Para outras meditações: Canal Sede Sal, Sede Luz

Os Profetas Menores - 6. Profeta Miqueias

Profetas Menores - 6. Miqueias 2.png

“Mas tu, Belém-Efrata, tão pequena entre as famílias de Judá,

é de ti que me há-de sair

Aquele que governará em Israel.

Por isso, Deus abandonará o Seu povo

até ao tempo em que der à luz

aquela que há-de dar à luz” (Mq 5, 1a.2a)

 

Deus não tem os nossos pensamentos, não tem a nossa lógica. Ao longo de todo o livro do profeta Miqueias, um camponês pobre natural duma aldeia de Judá, o reino do Sul, percebemos que o Senhor escolhe pessoas humildes e lugares simples, para manifestar o Seu poder e a Sua glória. Nós provavelmente escolheríamos uma cidade rica, majestosa e poderosa para que Jesus nascesse lá, mas o Pai escolheu Belém, a “casa do Pão”, uma pequena aldeia da Judeia, quase esquecida, para se tornar o berço do nosso Salvador …

Para outras meditações: Canal Sede Sal, Sede Luz

Os Profetas Menores - 5. Profeta Jonas

Profetas Menores - 5. Jonas 2.png

“A palavra do Senhor foi dirigida a Jonas, filho de Amitai, nestes termos: «Levanta-te, vai a Nínive, a grande cidade, e anuncia-lhe que a sua maldade subiu até à Minha presença.» “ (Jn 1,1-2)

Naquela altura, o orgulho e a vaidade tinham tomado conta do povo israelita, por se saber o Povo Eleito, protegido e acarinhado por Deus. Além disto, acreditavam que a salvação lhes estava reservada e segura e achavam incorrectamente que os estrangeiros e os pagãos eram odiados por Deus.

Deus inspirou um profeta, Jonas, muito habilidoso e misterioso, para convencer o Seu povo de que Ele amava todos os Homens e que queria que todos se convertessem e salvassem …

Para outras meditações: Canal Sede Sal, Sede Luz

Os Profetas Menores - 4. Profeta Abdias

Profetas Menores - 4. Abdias 2.png

” Eis que vou tornar-te pequena

e profundamente desprezível entre as nações.

A soberba do teu coração transviou-te,

a ti que moras nas fendas dos rochedos,

numa morada inacessível,

e dizes no teu coração

«Quem me fará cair por terra?»

Ainda que te eleves tão alto como a águia

e ponhas o ninho entre os astros, hei-de precipitar-te

- oráculo do Senhor.” (Abd 1, 2-4)

O profeta Abdias denuncia a arrogância e a soberba dos edomitas, que se achavam invencíveis por terem a sua capital bem protegida no meio das montanhas. Eles, que se achavam poderosos e inteligentes, viriam a cair em ruínas, a ser desprezados e humilhados, porque “o Senhor exalta os humildes e detesta os soberbos” …

Para outras meditações: Canal Sede Sal, Sede Luz

Os Profetas Menores - 3. Profeta Amós

Profetas Menores - 3. Amós 2.png

“Assim fala o Senhor: «Por causa do triplo e do quádruplo crime de Israel, não revogarei o Meu decreto. 

Porque vendem o justo por dinheiro e o pobre, por um par de sandálias; 

esmagam sobre o pó da terra a cabeça do pobre, desviam os pequenos do caminho certo. 

Porque o filho e o pai dormem com a mesma jovem, profanando o Meu Santo Nome.” (Am 2, 6-7)

Através do profeta Amós, o Senhor vai denunciar a decadência social, moral e religiosa do povo judeu e alertar Israel para as graves consequências que esta situação viria a ter. Além disso, o Senhor vai recordá-los da promessa de que Ele mesmo viria julgar cada um, pelas suas obras.

Para o profeta Amós, a riqueza e as injustiças sociais eram incompatíveis com o plano que Deus tinha para aquele povo. Amar a Deus e amar o próximo são faces da mesma moeda. É impossível amar verdadeiramente a Deus se não amamos os outros com gestos concretos, e se não procuramos que todos tenham o necessário para levarem uma vida digna ...

Para outras meditações: Canal Sede Sal, Sede Luz