Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Uma Jovem Católica

Sou uma jovem católica portuguesa.Neste blog partilho a minha caminhada em busca da santidade, da fé, da misericórdia, da caridade, do amor a Deus e ao próximo.Espero que ele vos possa ajudar a encontrar a Alegria do Evangelho!

Uma Jovem Católica

Sou uma jovem católica portuguesa.Neste blog partilho a minha caminhada em busca da santidade, da fé, da misericórdia, da caridade, do amor a Deus e ao próximo.Espero que ele vos possa ajudar a encontrar a Alegria do Evangelho!

As voltas de Deus e as lições de cada Quaresma

Estamos na Semana Maior, na semana mais importante de todo o ano!

Chegou depressa este ano - parece que esta Quaresma passou a correr...

São sempre tantas as lições que cada Quaresma me ensina, que me faz finalmente ver e verdadeiramente compreender ... que ás vezes é difícil escolher qual a mais importante, qual a que teve maior impacto na minha vida.

 

Hoje, queria contar-vos uma das lições desta Quaresma.

Não sei se já deram a Deus essa oportunidade, mas se sim, já descobriram que Deus gosta muito de nos "trocar as voltas". Deus gosta de vento! Deus gosta muito de baralhar e de bagunçar aquilo que nós tínhamos tão cuidadosamente planeado. Mas Deus é assim - Ele não deseja o nosso conforto nem a nossa comodidade, mas sim a nossa santidade. 

 

Cruz quaresma.jpg

 
Ora, para esta Quaresma, eu tinha planeado uma série de pequenas penitências, renúncias e actividades, após várias semanas (achava eu) a rezar e a meditar no assunto.
Deus, aparentemente, tinha outras ideias... e, quando me apercebi, dei por mim perante situações muito pouco usuais, particularmente desconfortáveis ... mas que, lá me apercebi um dia, após muito refilar delas, eu podia usar como mortificações nesta Quaresma!
 
Refiro-me a coisas simples mas que, para mim, são bastante difíceis: esforçar-me para ser mais sociável na paróquia; tentar começar conversas com pessoas que eu já tinha visto mas nunca tinha tido a coragem de falar; tentar conhece-las, ouvir as suas histórias, e deixar que elas me conheçam; ficar um pouco (ou muito) mais depois da missa; estar presente em actividades que eu normalmente não estaria, como na ceia antes da via sacra que a nossa paróquia organiza. 
Estas situações podem parecer insignificantes aos vossos olhos. Mas para mim, que sou tão tímida e envergonhada e introvertida ... para mim, pareciam autênticas aventuras, rumo ao desconhecido, sem saber o que iria acontecer a seguir. 
 
A verdade é que, esta Quaresma, como todas as outras, não é minha, não me pertence - é do Senhor e deve ser sempre Ele a decidir o que acontece e como acontece ... e não eu. Ele sabe, melhor que eu, qual o caminho que devo seguir para alcançar a santidade e tornar-me na santa que só eu posso ser.
 

 

Este Tríduo Pascal vai ter algo muito especial - vou viver uma aventura com Jesus!

Depois, conto-vos tudo   Vemo-nos depois do 1º dia da Páscoa!

1 comentário

Comentar post