Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Uma Jovem Católica

Sou uma jovem católica portuguesa.Neste blog partilho a minha caminhada em busca da santidade, da fé, da misericórdia, da caridade, do amor a Deus e ao próximo.Espero que ele vos possa ajudar a encontrar a Alegria do Evangelho!

Uma Jovem Católica

Sou uma jovem católica portuguesa.Neste blog partilho a minha caminhada em busca da santidade, da fé, da misericórdia, da caridade, do amor a Deus e ao próximo.Espero que ele vos possa ajudar a encontrar a Alegria do Evangelho!

Caderneta de Cromos da Santa Missa - 2º Período

Sei que este blog tem andado um pouco abandonado - mas já passaram no site das Famílias de Caná? Já exploraram todos os artigos com jogos, trabalhos manuais e atividades de evangelização que têm sido publicados ultimamente? Não se esqueçam de passar por lá!

 

Hoje, tal como vos tinha prometido, venho partilhar convosco a Caderneta de Cromos da Santa Missa para o 2º Período de catequese deste ano. É maior que a do Período passado, uma vez que existirá um maior número de celebrações litúrgicas nos próximos meses....

 

caderneta 2 - frente.jpg

Caderneta de Cromos da Santa Missa 2º Período - vista por fora

 

Como fazer a Caderneta da Santa Missa?

  1. Fazer o download da Caderneta em branco (podem fazer o download em documento pdf ou então word).
  2. Imprimir a Caderneta em branco, idealmente em papel mais grosso e espesso (eu utilizei folhas de papel A4 com 160g), imprimindo frente e verso
  3. Dobrar a Caderneta ao meio
  4. Fazer o download dos Cromos (podem fazê-lo em documento pdf ou então word).
  5. Imprimir os Cromos a cores, em papel autocolante branco (que pode ser encontrado em lojas como a Staples).
  6. Recortar os Cromos
  7. Podem visualizar o resultado final da Caderneta aqui ou então aqui

 

caderneta 2 - verso.jpg

Caderneta de Cromos da Santa Missa 2º Período - vista por dentro e com todos os cromos

 

Como temos utilizado a Caderneta da Santa Missa na catequese?

Eu entreguei uma Caderneta em branco a cada menino. Eles puderam pintar a capa/parte de fora da Caderneta como quisessem. Expliquei-lhes o objectivo da Caderneta: por cada vez que viessem à Missa, receberiam um cromo, com uma imagem alusiva ao tema da Missa e uma citação do Evangelho, para aprenderem de coração. Desta forma, tento ajudá-los (e aos pais, claro!) a desenvolverem o hábito da Missa Dominical, em especial preparação para a Primeira Comunhão de cada menino (que será em Junho 2019).

 

Esta Caderneta tem tido uma enorme adesão na nossa paróquia e, sem dúvida nenhuma, que tem tido um enorme sucesso com o meu grupo de catequese - têm vindo cada vez mais meninos à missa e de forma regular! Como Deus é bom! 

 

Esta Caderneta pode também ser utilizada em contexto familiar, entre irmãos ou primos, ou noutras actividades da Igreja.

 

Aceitam o desafio?

 

Disse-lhes Jesus:

«Todo o doutor da Lei instruído acerca do Reino do Céu

é semelhante a um pai de família,

que tira coisas novas e velhas do seu tesouro.»

(Mt 13, 52)

 

Ps. 1: Esta Caderneta de Cromos foi desenhada por mim e pela Teresa Capela. Utilizámos imagens que encontrámos na internet para fazer os cromos, nenhuma das imagens nos pertence. 

Ps. 2: Estão à vontade para imprimir e partilhar a Caderneta da Missa pelas vossas paróquias. Lembrem-se apenas de rezar uma Avé Maria por nós!

Uma Festa de Catequese Mariana ...

... ou sugestão de Festa da Catequese para celebrar o próximo dia 8 de Dezembro, dia da Imaculada Conceição - se a meteorologia assim o permitir! 

 

Ora, hoje gostava de partilhar convosco a nossa Festa de início de ano da Catequese (bem atrasada, eu sei!).

Estávamos no início do mês de Outubro, num belíssimo dia de sol e portanto pudemos, pela graça de Deus, realizar a nossa grande festa, que envolveu todos os volumes de catequese (eram mais de 100 crianças e jovens!), no descampado à frente da nossa paróquia. Que bênção tem sido aquele descampado!...

Escolhemos como dia para a Festa o sábado, dia 13 de Outubro e, por isso, claro que o tema da nossa Festa só podia ser Nossa Senhora .... assim, eis como fizemos a nossa Festa Mariana:

 

Criámos 5 equipas constituídas da seguinte maneira:

  • O 1º ano com o 10º ano
  • O 2º ano com o 9º ano
  • O 3º ano com o 8º ano
  • O 4º ano com o 7º ano
  • E o 5º ano com o 6º ano

 

Criámos 5 estações, cada uma representando um Mistério Gozoso do santo Terço (visto que a Festa foi num sábado), e tentámos ir explicando os Mistérios às crianças e jovens com o auxílio de pequenas reflexões e de jogos divertidos. Nada como associar oração + alegria + convívio para fazer feliz a nossa grande Mãe!

 

Além disso, o mês de Outubro é especialmente dedicado à oração por intercessão de todas as missões e vocações no mundo e nós tentámos também incluir esse tema na nossa Festa - incentivando-os a rezarem por todos os meninos e meninas espalhados pelos cinco continentes do mundo!

Uma estação era verde e lembrava-nos de rezar pelas pessoas que vivem em África; outra estação era vermelha e lembrava-nos da América; outra estação era branca e representava a nossa Europa; outra estação era azul e fazia-nos lembrar a Oceânia e, por fim, uma estação amarela a representar o continente Asiático.

 

 

Entrada da Festa

O lema da nossa Festa foi escolhido do Evangelho de São João, do episódio das Bodas de Caná, onde Maria, como sábia mãe, nos diz:

Fazei tudo o que Ele vos disser!

 

Usámos um velho lençol branco, fizemos letras em cartolina colorida e prendemo-las com alfinetes de dama e cola ao lençol. Depois atámos os quatro cantos do lençol com fio de lã à porta principal do descampado.

Também vos apetece participar na nossa Festa?

 

Festa de acolhimento 1.jpg

Todas as fotos que possuo da nossa Festa foram tiradas pela catequista Lourdes Messias

e gentilmente cedidas para partilhar convosco neste blog.

 

A imagem de Nossa Senhora que nos acompanhou durante a Festa foi a imagem de Nossa Senhora Aparecida. Porquê? Ora, porque, por um lado, a festa de Nossa Senhora Aparecida tinha sido uns dias antes desta nossa Festa; por outro lado, um dos nossos padres é originário do Brasil; e, por fim, pareceu-nos ser a imagem mais apropriada para representar a multiculturalidade que pretendíamos difundir na nossa Festa.

 

Festa de acolhimento 2.jpg

Juntos rezamos por todos os meninos e meninas do Mundo!

Terço das Missões (3).jpg

Todas as imagens utilizadas na nossa Festa foram retiradas do site da Tia Paula.

Podem fazer o download desta imagem aqui

 

Agora, os guiões que acompanhavam cada estação ...

 

1ª Estação - 1º Mistério Gozoso - O Anjo anuncia que Jesus nascerá através de Maria

 

1º Misterio.jpg

Podem fazer o download da imagem desta estação (adaptada ao português) aqui

 

O Anjo Gabriel disse a Maria: “Alegra-te, ó cheia de graça! Deus ama-te muito e escolheu-te para seres a Mãe de Jesus, o nosso Salvador!” Respondeu-lhe Maria: “Eu entrego a Deus a minha vida e o meu coração. Que se faça em mim tudo o que Deus deseja!”

 

Á semelhança de Maria, também nós somos convidados a dizer "Sim!" a Deus e viver na alegria de sabermos que somos amados por Ele. Assim, devemos tentar sempre pôr em prática nas nossas vidas os ensinamentos de Jesus, para a nossa própria felicidade eterna!

Rezar não é como usar uma varinha mágica. A oração requer empenho, constância e determinação!

Vamos participar num jogo em que todos vamos ser vencedores… Vamos, em grupo, tentar colocar por ordem as diversas orações que fazem parte do Terço (Pai Nosso, Avé Maria e Glória). Tenho o cronómetro na mão ... 1,2,3 ... vamos começar!!

 

Jogo: puzzle do Pai Nosso (download aqui), Avé Maria (download aqui) e Glória (download aqui).

Basta imprimirem em papel colorido (eu escolhi papel verde, amarelo, azul, laranja e cor de rosa), recortar as peças (e se quiserem, plastificar, para durar mais tempo), baralha-las e jogar! Podem começar por jogar só com um "baralho" (uma oração para colocar por ordem) e ir aumentando a dificuldade do jogo ao adicionar duas ou até três orações! Pode ser jogado num grupo de catequese ou mesmo em casa em família. 

 

Festa de acolhimento 3.jpg

 

 

2ª Estação - 2º Mistério Gozoso - Maria visita a sua prima Isabel

 

2º Misterio.jpg

Podem fazer o download da imagem desta estação (adaptada ao português) aqui

 

Logo após ter falado com o Anjo, Maria apressou-se a ir visitar a sua prima Isabel, que estava grávida com João Baptista, a fim de a ajudar. Mal se saudaram, o bebé de Isabel saltou de alegria por saber que no ventre de Maria já se encontrava Jesus, o Filho de Deus.

 

Seguindo o exemplo de Nossa Senhora, aprendemos a descobrir a alegria de servir os nossos irmãos e a oferecer-nos sem medida. Tal como Maria, também nós devemos ter pressa em partilhar o amor de Jesus com todos os nossos amigos e ajudar quem mais necessita, com carinho e alegria. Afinal, onde está Jesus, a alegria surge e torna-se contagiosa!

Nesta 2ª estação, vamos jogar um jogo onde podemos experimentar com (bastante!) alegria como é levar Jesus aos outros. Preparados? Liguem a música!

 

Jogo: da lagarta dançante

Escolhemos a música e coreografia da dança do pinguim ... e acreditem, esta tornou-se na estação que os meninos (e os graúdos!) mais gostaram! Primeiro rimo-nos uns dos outros ao tentar decorar a coreografia (e todos os erros associados) e depois dançámos e dançámos e dançámos até já a festa ter terminado! A alegria desta estação era muito contagiante! Experimentem aí em casa só uma vez e vão ver!

 

Festa de acolhimento 4.jpg

 

 

3ª Estação - 3º Mistério Gozoso - O nascimento de Jesus em Belém

 

3º Misterio.jpg

Podem fazer o download da imagem desta estação (adaptada ao português) aqui

 

Jesus nasceu em Belém e Maria colocou-O sobre as palhas duma manjedoura, porque ninguém O queria receber nas suas casas. Um dia, vieram visitá-lo uns pobres pastores de ovelhas e depois os reis magos, que Lhe trouxeram tudo o que de melhor possuíam e todos O adoraram.

 

O nascimento de Jesus foi um evento tão, tão, tão importante para todo o mundo, que levou até à divisão do tempo. O nascimento de Jesus mudou a História da humanidade, de uma forma irreversível e permanente. E por isso, contamos os anos como Antes (A.C.) e Depois (D.C.) do nascimento de Cristo.

Vamos jogar um jogo que nos ajuda a perceber essa mesma mensagem - o jogo da corda!

 

Jogo: da corda

Um jogo bem velhinho mas tão bom, tão bom, que não o podiamos deixar de incluir! Prendemos um lenço vermelho no meio duma corda comprida. Imprimimos e prendemos também uma imagem do nascimento de Jesus e fizémos duas equipas, cada uma do seu lado da corda. Eu nem queria acreditar quando vi os meus meninos a agarrarem-se e a puxarem pela ponta da corda como se não houvesse amanhã ... foi um jogo tão renhido! E quem ganhou? Jesus e todos nós, pois claro!

 

Festa de acolhimento 5.jpg

 

 

4ª Estação - 4º Mistério Gozoso - Maria e José levam Jesus ao Templo

 

4º Misterio.jpg

Podem fazer o download da imagem desta estação (adaptada ao português) aqui

 

Jesus ainda era pequenino quando Maria e José O levaram ao Templo. Ali rezaram, cantaram e agradeceram a Deus pelas maravilhas que Ele fez, pelo dom da vida de Jesus e pela salvação que Ele nos vinha oferecer.

 

Como Maria e José, também nós queremos, em família, ir à casa de Deus! Também nós queremos ir à Missa, rezar, cantar, agradecer e receber Jesus na Eucaristia.... por mais dificuldades que encontremos no caminho!

Assim, vamos agora empenhar-nos numa tarefa difícil: vamos tentar transportar estas bolas (que simbolizam a nossa Fé) dentro destas colheres até ao nosso destino. Será que conseguimos?

 

Jogo: dos ovos/bolas nas colheres, em estafetas.

Outro jogo bem velhinho que não podia faltar! Formámos 4 equipas (em estafetas) que tinham que transportar pequenas bolas dentro de colheres presas entre os dentes, desde a linha de partida até a um cesto, a alguns metros de distância.... Não correu assim muito bem, a maior parte das bolas caia das colheres a meio do percurso ... era do vento! diziam-me os meninos ... pois claro, do vento, não da falta de jeito e prática ... 

 

Festa de acolhimento 6.jpg

 

 

5ª Estação - 5º Mistério Gozoso - Maria e José reencontram Jesus

 

5º Misterio.jpg

Podem fazer o download da imagem desta estação (adaptada ao português) aqui

 

Jesus tinha 12 anos quando, um dia, Maria e José não sabiam onde O encontrar. Tinham-n’O perdido! Procuram-n’O durante 3 dias e foram encontrá-Lo no Templo do Senhor, a rezar e a ensinar. Voltaram juntos para casa e Jesus cresceu e aprendeu a ser obediente aos pais.

 

Como Jesus, também nós queremos ser obedientes e seguir o caminho do Senhor. Maria e José, se eu também me perder, tragam-me de novo até Deus!

A nossa tarefa nesta estação é muito simples (ou assim parece!): basta levarmos esta água (que representa o nosso Baptismo como filhos de Deus) a bom porto ... se conseguirem!

 

Jogo: do copo furado (em estafetas)

Para terminar, nada como um joguinho matreiro (a vida é assim!). Os meninos acharam que esta estação ia ser bastante fácil. Foram divididos em equipas. Só temos de levar um copo de água da linha de partida até ali ao balde? Oh, isso é fácil! .... o que eles não contavam era que os copos estavam furados (a vida também é assim!) e que a água ia saindo por esses buraquinhos. Como é que eu sabia que eles estavam furados? Chiuuu, não digam a ninguém que fui eu que furei os copos, okay? 

 

Festa de acolhimento 7.jpg

 

Final da Festa

No final desta nossa Festa, após termos todos passado pelas cinco estações, reunimo-nos e rezámos uma dezena do Terço (os meninos mais novos adoraram contar as Avés Marias pelos dedos!) e uma Salvé Rainha: em intercessão por cada um de nós ao longo deste ano, pela nossa paróquia, pelos nossos padres, por todas as missões de evangelização no mundo, e por todos os meninos e meninas dos cinco continentes.

 

Como recordação desta Festa, oferecemos a cada participante uma pequena pagela com a oração Salvé Regina (download aqui - basta imprimir, frente e verso, e recortar).

 

Pagela 1.jpgPagela 2.jpg

 

Esta festa é facilmente adaptável a qualquer data de celebração Mariana (como o próximo sábado, dia 8 de Dezembro, dia da Imaculada Conceição) ou a outra actividade catequética. Que vos parece? Experimentem e depois partilhem como correu! 

Caderneta de Cromos da Santa Missa - 1º Período

Hoje vamos continuar na maré de partilha de actividades que tenho desenvolvido na Catequese, junto do meu grupo de 3º volume (em preparação para a 1ª Comunhão, que responsabilidade!!).

 

Uma das maiores dificuldades com que me deparei, no ano passado, com o meu grupo de meninos da catequese foi o facto de eles, na grande maioria, não virem à missa! (já tinha falado convosco acerca deste assunto, lembram-se?) Ora, tempos modernos exigem soluções modernas ...

 

Assim, depois do sucesso que a Caderneta de Cromos do Pai Nosso teve com os meninos, este ano lectivo, em colaboração com a catequista do outro grupo de catequese, lembrámo-nos de criar uma Caderneta de Cromos para a Santa Missa. Parece uma boa ideia, não parece?

 

Caderneta - frente.jpg

Caderneta de Cromos da Santa Missa 1º Período - vista de frente

  

Como fazer a Caderneta da Santa Missa?

  1. Fazer o download da Caderneta em branco (podem fazer o download em documento pdf ou então word).
  2. Imprimir a Caderneta em branco, idealmente em papel mais grosso e espesso (eu utilizei folhas de papel A4 com 160g), imprimindo frente e verso! (NOTA 1: esqueçam a página que aparece em branco, não consigo eliminá-la por causa da tabela .... é apenas para imprimir a página 1, em frente e verso!)
  3. Cortar a folha A4 ao meio (pela linha cinzenta) - ou seja, a Caderneta é apenas metade duma folha A4, frente e verso (para ser mais fácil de transportar pelas crianças ...)
  4. Fazer o download dos Cromos (podem fazê-lo em documento pdf ou então word).
  5. Imprimir os Cromos a cores, em papel autocolante branco (que pode ser encontrado em lojas como a Staples -- NOTA 2: esqueçam novamente a última página, em branco ... é só para imprimir as primeiras 14 páginas!).
  6. Recortar os Cromos
  7. Podem visualizar o resultado final da Caderneta aqui ou então aqui

 

Caderneta - verso.jpg

 Caderneta de Cromos da Santa Missa 1º Período - vista de trás / verso

 

Como temos utilizado a Caderneta da Santa Missa na catequese?

Eu entreguei a Caderneta em branco na 1ª catequese que tivémos este ano, uma para cada menino, e eles puderam pintar a capa/parte da frente da Caderneta cada um ao seu gosto (assim que conseguir, partilho as fotos - ficaram tão bonitas!)

Expliquei-lhes qual o objectivo da Caderneta: por cada vez que viessem à missa (no Sábado à tarde ou nos horários de Domingo - a nossa paróquia dá-nos muitas horas por onde escolher), receberiam um cromo, com uma imagem alusiva ao tema da missa e uma citação do Evangelho, para aprenderem de coração.

Os meninos têm recebido o cromo logo após a missa (a situação ideal), ou então na catequese seguinte (caso, por exemplo, fossem à missa a outras paróquias onde nenhuma de nós estivesse presente)

 

Para ser sincera, não estava à espera de tanta adesão a esta Caderneta como na realidade se tem verificado: os meninos passaram a vir, gradualmente, cada vez mais à missa e a novidade acerca da Caderneta da Missa já se espalhou por outros volumes de catequese, de tal forma que o cromo nº5, deste Domingo dia 04/11, foi entregue a 4 grupos de catequese de anos diferentes! Ena, como Deus é bom! Como Deus consegue trabalhar nos nossos corações através destas pequenas iniciativas ... 

 

Claro que a ideia dos meninos receberem uma recompensa por cada vez que vierem à Santa Missa, não está propriamente correcta ... mas se os ajudar (e aos pais, claro!) a desenvolverem o hábito da missa dominical, então esta pequena Caderneta terá cumprido a sua função!

 

Esta Caderneta pode também ser utilizada em família ou noutras actividades da Igreja.

Aceitam o desafio?

 

Disse-lhes Jesus:

«Todo o doutor da Lei instruído acerca do Reino do Céu

é semelhante a um pai de família,

que tira coisas novas e velhas do seu tesouro.»

(Mt 13, 52)

 

 

Ps. 1: Esta Caderneta de Cromos foi desenhada por mim e pela Teresa Capela. Utilizámos imagens que encontrámos na internet para fazer os cromos, nenhuma das imagens nos pertence. 

Ps. 2: Estão à vontade para imprimir e partilhar a Caderneta da Missa pelas vossas paróquias. Lembrem-se apenas de rezar uma Avé Maria por nós!

Ps. 3: Assim que a terminar, eu partilho convosco a Caderneta do próximo período, com antecedência desta vez! 

Caderneta de cromos para aprender a rezar o Pai Nosso

Ah, Setembro ...

O mês dos recomeços! Recomeça o trabalho, recomeça a escola, recomeça a catequese ... Este ano, na nossa paróquia, a catequese só irá recomeçar no dia 13 de Outubro, mas os preparativos para este novo ano de evangelização já começaram! 

 

No outro dia apercebi-me que nunca tinha chegado a partilhar convosco algumas actividades que desenvolvi com o meu grupo do 2ºvolume da catequese (crianças com 7-8 anos). Então hoje gostava de partilhar convosco a primeira dessas actividades - uma caderneta de cromos para as crianças aprenderem a rezar o Pai Nosso.

 

Esta caderneta foi adaptada duma ideia que encontrei no site do ABC da catequese.

 

Como fazer a Caderneta do Pai Nosso?

  1. Imprimir a Caderneta (podem fazer o download aqui ou então aqui) em papel - idealmente, em papel espesso e resistente, imprimindo frente e verso
  2. Dobrar a folha de papel ao meio
  3. Imprimir os cromos (podem fazer o download aqui ou então aqui) em papel autocolante (que se pode encontrar em lojas como a Staples)
  4. Recortar os cromos 

Caderneta Pai Nosso 1.jpg

 

Caderneta Pai Nosso 2.jpg

 

Caderneta Pai Nosso 3.jpg

Exemplo de como ficou a Caderneta do Pai Nosso duma menina do meu grupo de catequese. 

 

Eu entreguei uma caderneta em branco a cada menino na 1ª catequese em que falámos acerca da oração do Pai Nosso. Para que as cadernetas não se perdessem, eu agrafei-as à ultima página do catecismo do 2ºvolume que cada menino tinha.

No final de cada catequese em que se ensinava e desenvolvia uma frase / ideia da oração do Pai Nosso (segundo o manual de catequese do 2ºvolume), eu distribuia o cromo correspondente. Os meninos eram incentivados a descobrir o porquê da imagem do cromo corresponder à frase do Pai Nosso que tinhamos aprendido naquele dia.

 

Esta ideia revelou-se um grande sucesso com os meninos do meu grupo de catequese!