Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Uma Jovem Católica

Sou uma jovem esposa e mãe católica portuguesa. Neste blog partilho a minha caminhada em busca da santidade e o meu encontro com o amor misericordioso do Senhor. Espero que ele vos possa ajudar a encontrar a alegria do Evangelho!

Uma Jovem Católica

Sou uma jovem esposa e mãe católica portuguesa. Neste blog partilho a minha caminhada em busca da santidade e o meu encontro com o amor misericordioso do Senhor. Espero que ele vos possa ajudar a encontrar a alegria do Evangelho!

Encontros com Jesus - 12. Maria de Betânia, irmã de Lázaro e de Marta

0. Encontros com Jesus - Podcast 2.jpg

 

«Uma mulher, de nome Marta, recebeu [Jesus] em sua casa. Tinha ela uma irmã, chamada Maria, a qual, sentada aos pés do Senhor, escutava a Sua palavra. Marta, porém, andava atarefada com muitos serviços.» (Lc 10, 38-40)

Tanto Marta como Maria parecem ser jovens mulheres solteiras, que tomaram a decisão de dedicarem a sua vida a Jesus, o Seu Amado. Assim, alguns vêem-nas como protótipo dos 2 grandes ramos de vida religiosa – Marta, numa vida mais activa, em constante serviço dos irmãos e necessitados, pondo os seus talentos a render, e Maria, tendencialmente mais orante, intercessora e contemplativa ...

Para outras meditações: Canal Sede Sal, Sede Luz

Encontros com Jesus - 11. Marta, irmã de Lázaro e de Maria

0. Encontros com Jesus - Podcast 2.jpg

 

"Marta, Marta, andas inquieta e perturbada com muitas coisas; mas uma só é necessária" - este episódio costuma fazer bastante eco na minha vida e no meu dia a dia. Também eu, à semelhança desta jovem Marta, tenho tendência a preocupar-me mais (e em preocupar-me em demasia! – que é isso que Jesus a alerta!) com o que é necessário fazer e garantir que aparece feito, do que utilizar tempo e disponibilidade para simplesmente estar com Jesus e com os irmãos, ou simplesmente ser-se amada por Jesus, como Ele tanto deseja fazer.

Claro que o trabalho é importante, que é necessário fazer – Jesus não diz em nenhuma altura que isso não tem importância. Mas, não nos podemos esquecer, não nos podemos “atarefar em muitos serviços” de tal modo que nos esqueçamos e percamos o foco daquilo que é O mais importante: escutar Jesus e permitir-mo-nos ser amados por Ele. Aliás, o Senhor ensina-nos que só conseguiremos fazer mais coisas, se primeiro permitirmos que Ele nos encha a mente e o coração com os Seus ensinamentos e os frutos do Seu amor ...

Para outras meditações: Canal Sede Sal, Sede Luz